Pular para o conteúdo Vá para o rodapé

Edição Nr. 25 – 05 de novembro de 2016

Informativo ADUFC-Sindicato

Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará – ADUFC-Sindicato | Ano 2 • Nr. 25 • 05 de novembro de 2016

Assembleia Geral homologa resultado do plebiscito de consulta de greve

Secretário-geral da ADUFC participa da 7ª reunião do Fórum Estadual de Educação do Ceará

Foto: Larissa Cavalcante

Na manhã desta sexta-feira (4), foi realizada, no auditório Engenheiro Candido Pamplona, no Centro de Tecnologia da UFC (Campus do Pici, Assembleia Geral Extraordinária, com a presença de 279 professores e a participação de alunos do movimento estudantil da universidade. Os docentes da UFCA, UNILAB e dos campi da UFC no interior do estado participaram através de videoconferência.

Na pauta da Assembleia Geral Extraordinária estava a homologação da consulta plebiscitária sobre a deflagração de greve por tempo indeterminado dos docentes da UFC, UFCA e UNILAB, realizada nos dias 31 de outubro e 01 de novembro de 2016.

O presidente da Comissão Eleitoral, Prof. Lindberg Lima Gonçalves, fez um breve relato do processo estabelecido para a consulta e procedeu a leitura da Ata da apuração, com o resultado final, onde votaram 1.579 professores, sendo 666 a favor da greve por tempo indeterminado e 913 contra.

Na votação da homologação do plebiscito, dos 279 professores presentes, 149 votaram a favor do resultado da consulta e 85 contra (com 7 abstenções).

Os encaminhamentos da Assembleia foram os seguintes:

• Apoio aos estudantes nos locais ocupados, com ajuda material/financeira (água, alimentação, etc).

• Orientação a todos os professores para suspender as aulas onde houver alunos em greve, para não prejudicá-los, sem violentar o direito dos estudantes que queiram participar do legítimo movimento de greve estudantil.

• Ofício comunicando os Reitores das universidades e os Conselhos Superiores sobre o apoio dos professores à greve dos alunos.

• Apoio aos estudantes nos Conselhos Superiores das universidades na demanda pela reformulação do calendário letivo.

• Participação dos docentes na reunião do setor das federais do Andes-SN em Brasília nos dias 05 e 06 de novembro. Os professores serão: Profª. Geny Lustosa, Profª. Maria do Céu de Lima e Prof. Rafael dos Santos.

• Criação de uma Comissão de Mobilização que tenha disponível um fundo financeiro para essa mobilização. Nomes já inscritos: Profª. Maurilene do Carmo, Profª. Beatriz Furtado, Prof. Clovis Juca Neto, Profª. Margarida Pimentel, Profa Eulalia, Profa Henrique, Profa Geni ,Prof. Leonardo Monteiro e Prof. Enio Pontes.

• Realização de palestras e debates para discutir a situação temerosa e ameaçadora que a categoria sofre, mais os retrocessos no Brasil.

• Moção ao Movimento dos Trabalhadores sem Terra (MST).

• Paralisação no dia 11 de novembro contra a PEC 55 (antes 241) e os retrocesso na educação.

• Assembleia Geral Extraordinária no dia 10 de novembro, junto com os estudantes e servidores.


Setor jurídico emite parecer sobre corte de salário em caso de greve

O setor jurídico da ADUFC-Sindicato emitiu parecer na última segunda-feira (31 de outubro) acerca da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de suspender a remuneração dos servidores públicos se houver deflagração de greve.

De acordo com o parecer, o STF reconhece o direito constitucional de greve dos servidores públicos, todavia, estabeleceu consequências limitadoras ao exercício desse direito. A regra geral é suspender imediatamente o salário daqueles profissionais que aderirem à greve, com exclusão de duas situações excepcionais.

Essas situações são em caso de paralisação motivada por condutas ilícitas do poder público e através de acordos de compensação dos dias em greve. Contudo, segundo o ministro e vice-presidente do STF, Dias Toffoli, existem atos normativos que impedem a realização desse tipo de negociação e também a celebração desses acordo é facultativa ao administrador (à Reitoria, no caso dos professores).

Leia o parecer do setor jurídico na íntegra: http://migre.me/vqjOV


Plebiscito diz NÃO à greve por tempo indeterminado

Plebiscito diz NÃO à greve por tempo indeterminado

Foi realizado nos dias 31 de outubro e 01 de novembro, plebiscito para consulta de deflagração de greve por tempo indeterminado nas Universidades Federais do Ceará (UFC, UFCA e UNILAB).

Com 913 votos contra e 666 a favor, os docentes decidiram não aprovar o indicativo de greve por tempo indeterminado. Compareceram à votação 1.579 professores, 45% do total de 3.535 que estava apto a votar, entre os campi da UFC, e das universidades UFCA e UNILAB.

Os professores responderam o seguinte questionamento: Prezado (a) Professor (a), o (a) Senhor (a) é a favor da greve por tempo indeterminado a partir do dia 09/11/2016 contra a PEC 241?

Ao final da apuração, que teve início às 19 horas, o presidente da Comissão Eleitoral Prof. Lindberg Lima Gonçalves, destacou que a categoria ”acaba de escrever uma nova história em termo de movimento docente, a partir da votação em urna eletrônica, que não apresentou problemas.”

Agora, o resultado segue para ser homologado em Assembleia Geral Extraordinária na próxima sexta-feira (4 de novembro), no Auditório Engenheiro Candido Pamplona do Centro de Tecnologia da UFC, às 9:00 horas em 1ª convocação, e às 10:00 horas em 2ª convocação.

Diretoria da ADUFC-Sindicato


Denúncia contra a PEC 55 é entregue no gabinete do senador José Pimentel

Carta

O secretário-geral da ADUFC-Sindicato e coordenador regional da Auditoria Cidadã da Dívida no Ceará, Prof. Enio Pontes, entregou nesta sexta-feira (4), no gabinete do senador José Pimentel em Fortaleza, denúncia contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55/2016 (anteriormente PEC 241 na Câmara).

O documento foi apresentado pela coordenadora nacional da Auditoria Cidadã da Dívida, Maria Lúcia Fattorelli, junto à presidência do Senado Federal, em Brasília, no dia 01 de novembro. A intenção é que seja lido pelo maior número de senadores possível até o dia da votação da PEC no Senado, prevista para 13 de dezembro.

A denúncia aponta que a PEC 55 burla diversos dispositivos da própria Constituição Federal e favorece o Sistema da Dívida, além de provocar danos financeiros, econômicos morais e patrimoniais ao país.

Ainda na segunda-feira (7) o respectivo documento deve ser levado nos gabinetes dos outros dois senadores cearenses em Fortaleza, Eunício Oliveira (PMDB) e Tasso Jereissati (PSDB).

Leia a denúncia aqui: http://migre.me/vqlpw


ADUFC-Sindicato participa da 7ª reunião do Fórum Estadual de Educação do Ceará

Secretário-geral da ADUFC participa da 7ª reunião do Fórum Estadual de Educação do Ceará

Foto: Nyna Sany

O Secretário-geral da ADUFC-Sindicato, Professor Enio Pontes, participou na última segunda-feira, dia 31, da 7ª reunião ordinária do Fórum Estadual de Educação do Ceará (FEE/CE) de 2016, na sede do Instituto Centro de Ensino Tecnológico do Ceará (CENTEC).

Na reunião os participantes pautaram, como principal objetivo, o 2º ciclo temático: “Quanto Vale a sua Educação”, que contará com palestras e debates sobre a PEC 55/2016 no Senado, a sua relação com a Dívida Pública e os efeitos para educação. As palestras serão ministradas pelo Secretário-geral da ADUFC, Profº Enio Pontes, e as mesas de debates contarão com a participação do Coordenador do Fórum Nacional de Educação (FNE), Heleno Araújo, e professores das Universidades públicas e privadas do Ceará.

“A sociedade em geral precisa entender a relação da PEC 241 com a dívida pública”, afirma o Professor Enio Pontes, que além de Secretário-geral do Sindicato é Coordenador Regional da Auditória Cidadã da Dívida Pública no Ceará.

Fórum Estadual de Educação no Ceará

O Fórum Estadual de Educação tem como objetivo participar do processo de concepção, implementação e avaliação da política estadual de educação básica e superior, defendendo a educação pública de qualidade no Ceará.

Serviço

2º Ciclo Temático: “Quanto Vale a Educação?”
PEC 55/2016, a sua relação com a Dívida Pública e os efeitos para Educação
Data: 24.11.2016
Horário: 13h30 às 17h30
Local: Sede ADUFC – Sindicato de Fortaleza
Avenida da Universidade, 2346 – Benfica

Secretário-geral da ADUFC participa da 7ª reunião do Fórum Estadual de Educação do Ceará

Foto: Nyna Sany



Fale com o Presidente

Acesse nosso site:
www.adufc.org.br

Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará
Av. da Universidade, 2346, Benfica – 60.020-180 • Fortaleza/CE
Telefone: (85) 3066.1818 • E-mail: secretaria@adufc.org.br

Coordenação: Helena Demes | Edição e Redação: Helena Demes, Bárbara Magalhães e Larissa Cavalcante | Diagramação: Renê Mendes

Deixe um comentário

Sindicato dos Docentes das Universidades Federais do Estado do Ceará

Av. da Universidade, 2346 – Benfica – Fortaleza/CE
E-mail: secretaria@adufc.org.br | Telefone: (85) 3066-1818

© 2024. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: Web-az

© 2024 Kicker. All Rights Reserved.

Sign Up to Our Newsletter

Be the first to know the latest updates

[yikes-mailchimp form="1"]